terça-feira, 30 de dezembro de 2008

Vermelho - disse ela



“Vermelho” - disse ela - “Porque não vivo apenas para conjugar os verbos... preciso fazê-los sangrar.”
Pega na minha mão e atravessa comigo o espelho. Parte para o outro lado do mundo. Suspende o tempo e engana a realidade...

Acerca de mim

A minha foto

Alegria de viver mesmo na adversidade

partilha